Os Papa Trilhos desejam FESTAS FELIZES a todos os familiares e amigos. Um BOM ANO de 2018 com muitos kms a pedalar.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações. Actualizado em 2017-11-27.
- Seguro FPCUB 2018 - informações.


quarta-feira, 10 de junho de 2009

Voltinha das quedas - 2009-06-07 - 50Km

Reportagem de Mimosa San

Mais um domingo para ficar na memória dos pedalantes. Inicio de um dia promissor para os amantes das bicicletas pois estava nublado com uma temperatura ideal, e para refrescar uns pingos de chuva pois o pó não pode ficar nas meninas.

Após a saída de Fernão Ferro que não presenciei, eis que o grande pelotão chega a Quinta do Conde, aí após o atestar dos depósitos nas bombas da Galp, saiu-se em romaria com destino não muito certo em direcção ao alto da montanha onde os Mouros em tempos imperaram “PALMELA”.

Assim que se sai do alcatrone começaram as escaramuças das quedas “7 ½ “para ser preciso:
1ª Paulo Felix que para não ficar em vantagem leva consigo ao tapete o NI SAN.

2ª logo de seguida nova ida ao tapete desta vez pela Marlene San que não quis deixar de mostrar que também sabe cair com estilo e não deixa créditos por mãos alheias.

3ª novamente a Marlene San após sucessivos minutos de estudo a pensar na estratégica do jogo lança-se de novo ao tapete desta vez com dureza para ficar a ganhar aos pontos aos restantes e ia-me levando consigo “considero só meia queda”.

4ª por sua vez o Samuel protagoniza talvez a mais violenta de todas “e fala minha experiência nestas coisas das quedas duras” Bela e grande descida o que dá para fazer um grande voou com aterragem forçada riscando bem o cromado do corpo foi o que lhe aconteceu.

5ª já quase no final do jogo o NI SAN volta ao ataque e lança-se de novo ao solo pois não queria deixar a Marlene San levar de vencida tal confronto pois GAJO que se preze não o deixa acontecer e novamente as coisas empatadas.

6ª por fim veio ao de cima a veia artística do Fernando Lapa e mostrou como se faz um belo salto mortal em andamento na sua bike levando a mesma a imita-lo.

Visitámos, mais uma vez, o castelo de Palmela, onde também tirámos a nossa foto de grupo.

Já no regresso, o Paulo Felix teve de telefonar à Dora a solicitar assistência, pois um problema mecânico não permitiu qye ele continuasse. A Marlene San não resistiu e aproveitou a boleia para casa (segundo ela, doía-lhe o pulso da queda).

Foram 50Km com 687m de acumulado de subidas. Ver estatísticas.


Participantes (20): Paulo Alex San, Rui San, Paulo Felix, Marlene San, To Ze San, Mimosa San, Samuel, Bruno, Gina San, Nelson San, Mário San, Fonseca, Carlos Prazeres San, Helena San, Carlos Duarte, Ni San, Marco San, Ivo San, Edgar, Fernando.


View Larger Map

5 comentários:

  1. Não lembro que uma volta tenha tido tantas quedas,a segunda que dei ficou marcada ainda hoje doi-me a perna e o peito, empenei a roda e telemovel foi-se.
    Mas acima tudo foi uma volta diferente foi a primeira vez que alguem ficou parado devido a problemas mecanicos foi preçiso chamar assistençia em viagem.
    Abraço a todos

    ResponderEliminar
  2. Um abraço espeçial ao primo do Marco,pois acho que a ferida no braço está feia,as suas melhoras e que voltes depressa.

    ResponderEliminar
  3. Voltinha muito agradável, desta vez não cai , mas em todas estas quedas o Mário não estava por perto. Espero as melhoras do Samuel.
    Boas pedaladas
    Helena san

    ResponderEliminar
  4. Voltinha marcada pelas quedas umas muito feias, mas que não desmotivou quem as teve e outras até bem animadas, mas mesmo assim foi uma volta bem animada e bem disposta.
    Desta a ssistência em viagem foi chamada não para "socorrer" o Rui San, mas sim o Paulo Felix que teve problema mecânico que o impossilitava de regressar de bike.
    As melhoras ao Samuel e à Marlene San que foram o s que sofreram mais com as quedas, não esquecendo o Ni San que não quis ficar a trás da Marlene San no mesmo número de quedas.
    Abraços e beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Pessoal achava eu que o 7 era o número perfeito, mas quando se chega ao 7 1/2... Já tenho dúvidas...
    Voltinha dominada pelas sucessivas quedas, umas mais aéreas outras mais terrestres,mas todas elas com o seu estilo e assinatura do protagonista.
    Samuel desejo-te rápidas melhoras para esses braço e que voltes em breve para as voltinhas domingueiras.
    Ni San vai ver desse teu "empeno" afinal a voz do incentivo não me pode faltar.

    Até breve
    Fiquem bem

    ResponderEliminar