. TRAVESSIA 2019 - STA COMBA DÃO/CHAVES - ESGOTADO. PEREGRINAÇÃO A FÁTIMA - 21 e 22 de Setembro - Inscrições brevemente. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Seguro FPCUB 2019 - informações.
- Sta Comba Dão/Chaves 2019 - informações - versão 2019-02-02
- Equipamentos Papa Trilhos - consultar.



sábado, 30 de março de 2019

Voltinha de Domingo - 2019-03-24 - 48Km/549mD+

Reportagem por João Branco

O domingo presenteou-nos com um sol morno e acolhedor, pedindo uma saída e o disfrutar da natureza.

O grupo Papa Trilhos começou a juntar parte dos seus elementos em Fernão Ferro, no segundo ponto de encontro lá estava – parte de um todo – cujo nome já ouvi diversas vezes os ardinas gritar “Borda D’Água”, mas com este foi um abraço e “O pá há quanto tempo”. Estacionei a bike bem longe, mas mesmo assim alguém falou alto, “Hoje quem faz a reportagem é o João Branco”, bolas desta vez não me escapei.

Não vou enumerar todos os locais por onde passámos, até porque não sei a sua designação, mas vou descrever alguns episódios ligados a momentos que sempre nos alegram e nos fazem sorrir.

“Fio dental”, dito assim toda a gente associa àquele fiozinho que se mete entre o espaço dos dentes para o limpar, mas não é que quando estamos a chegar ao local ouço alguém comentar “gosto é de as ver no chão”, sinceramente tive dificuldade em compreender, primeiro porque a última rampa tinha retirado todo o oxigénio da minha “boneca” e queimado o mesmo nas perninhas, segundo porquê no chão? Depois de pensar algum tempo lá compreendi que alguém gostava de ver o dito “fio dental”, no chão, caído do estendal da vizinha. Faz sentido?

Houve outro episódio que me intrigou bastante e teve como participante o Mergulhão, digo o Bulhão. Não é que logo que apanho o fio dental, no sentido figurativo, que ele continuava no chão, ciclista berra “O Bolhão está agarrado ao estendal”, bem não era o estendal era mais uma árvore. O rapaz assustou-se com a largura tão estreita (grande paradoxo) e o motor entrou em modo de segurança, nesse momento reparei que o M&Ms amarelo estava mais brilhante. Tal atitude causou um tremendo engarrafamento, apenas tinha visto algo parecido em hora de ponta na 25 de abril. Até ao final do percurso tive bastante tempo para comparar as duas situações: o engarrafamento do “fio dental” e o da ponte 25 de abril. Formulei até uma teoria cuja designação indico mais à frente. Então se um ciclista liga o modo de segurança apenas porque a passagem é estreita e com um precipício ao lado, quem passa a ponte, que tem três estreitas, também entra em modo de segurança.

Extrapolando esta causa-efeito para situações análogas temos a origem dos congestionamentos: Teoria do Bulhão.

Durante aproximadamente 5 horas percorremos cerca de 55 km com um acumulado um pouco acima dos 500 metros.

As reportagens têm como finalidade mostrar o quanto nos divertimos com as situações inopinadas que vamos encontrando pelo nosso percurso delineado pelo nosso guia principal Nim. É esta convivência salutar que me faz levantar cedo no domingo, sempre que tal é possível.

Participaram neste passeio: João Branco, Paulo San, Paulo Félix, Luis Saiote, Marlene, Borda D'água, Quim Bikes, António Sá, Jorge Bulhão, Joaquim Pena, Eduardo, João Vieira, Ni, Rui Inácio, Sandra, Nelson, Leandro e Eduardo.

Grande abraço a todos

O Joãozinho das meiguices, como alguém me apelidou.

quarta-feira, 27 de março de 2019

Ponto de Encontro - Semana 13

Para esta semana, a proposta do Ponto de encontro é a seguinte:
- sábado, dia 30: Voltinha dos AdolescentesPonto de encontro no Parque das Lagoas às 15.00h.
- domingo, dia 31: Voltinha domingueira Papa Trilhos. Ponto de encontro às 08.00h no Parque das Lagoas, ou às 08.20h na GALP da Qta do Conde.

Caso haja interesse em marcar alguma voltinha, deixem aqui a mensagem para conhecimento do restante pessoal.

ATENÇÃO: a partir desta semana, com a mudança da hora, as nossas voltinhas passam também para o horário de verão - 08.00h.

Lembretes desta semana:
- N/A.

domingo, 24 de março de 2019

Gran Fondo e Vedetas da Bola - reportagem 2 - 2019-03-17 - 40Km/502mD+

Reportagem por Paulo Felix

Mais um domingo que me levantei á pressa pois já estava atrasado para chegar a horas ao Parque das Lagoas. No meio da confusão e da pressa para sair alguma coisa havia de falhar mas não me apercebi até chegar à quinta do Conde: deixai a água em casa. Telefonei logo à minha assistente para ir ter comigo e levar o bidon. Não foi tarefa fácil para ela porque havia uma prova de ciclismo algumas estradas estavam cortadas, nem para mim que estive o tempo todo a ouvir “bocas”, mas não faz mal pois faz parte do convívio.

Como diz o ditado “há males que veem por bem”, esse atraso fez com que estivéssemos no sitio certo à hora certa para apoiar o Pena, nosso colega Papa Trilho, que estava a participar nessa tal prova e assim teve uma claque a puxar por ele.

Seguimos para a Arrábida, a nossa serra, fomos até ao Parque de Campismo em Azeitão onde encontramos o jogador atacante do Sporting – Bas Dost – com o qual tirámos uma fotografia mostrando ser uma pessoa muito simpática e acessível.

Ainda no parque voltámos a ver o Pena e dar o nosso apoio e incentivo.

Foi uma voltinha bem-sucedida e com boa disposição,
Participantes: Vitor Rebelo, Isabel Santos, Ni San, Marlene, Rui Inácio, Pedro Santos, Paulo Félix e os outros não me lembro, peço desculpa.

sexta-feira, 22 de março de 2019

Voltinha matinal de Sábado - 2019-03-16 - 60Km/507+

Reportagem por Jorge Bulhão

Sexta feira à noite o Sr. Luís Painço, que anda cheio da pica tentou convencer os papa minis a ir dar uma voltinha rápida com ele até ao Seixal, mas como o Sá e o Filipe não quiseram ir, lá fomos os dois à aventura… então lá partimos, de Fernão Ferro.
Arrancamos direitos as Catraponas e fizemos meio trilho do comboio siderurgia, andámos a fazer as pistas da siderurgia a subir e a descer e de seguida dirigismo nos ao centro de estágio do maior clube de Portugal o grande Benfica é tiramos esta linda foto!!


Seguidamente dirigimos-nos ate a baía do Seixal e andamos a subir e a descer aqueles trilhos de areia junto ao tribunal.. Foi então que eu disse ao Luís ainda é cedo e se fossemos até a Fonte da Telha? Sem hesitar lá fomos Foros da Amora, a Apostiça, trilho da terra solta e Verdizela, Fonte da Telha desce e sobe, mas quando descemos viramos para o lado esquerdo é pedalamos até ser possível as bikes andarem sem enterrar na areia e tiramos algumas fotos..!!


De seguida subimos a famosa subida de alcatrão da Fonte da Telha, fizemos a Apostiça, quando ia a pedalar de repente a bike travou na areia que não era seca… lol, era aos montes e eu decidi fazer um mortal à frente com bike e areia por tudo o que era poros.. E pronto lá chegamos Fernão Ferro…

Os participante foram: Estes dois Papa Trilhos, Jorge Bulhão e Luís Painço, foram cerca de 60km e 507m de acumulado.

quinta-feira, 21 de março de 2019

Aniversário de To Ze San - 2019-03-21

Hoje temos um Papa Trilho aniversariante. Parabéns para o To Ze San.


quarta-feira, 20 de março de 2019

Ponto de Encontro - Semana 12

Para esta semana, a proposta do Ponto de encontro é a seguinte:
- sábado, dia 23: Voltinha dos AdolescentesPonto de encontro no Parque das Lagoas às 15.00h.
- domingo, dia 24: Voltinha domingueira Papa Trilhos. Ponto de encontro às 08.30h no Parque das Lagoas, ou às 08.50h na GALP da Qta do Conde.

Caso haja interesse em marcar alguma voltinha, deixem aqui a mensagem para conhecimento do restante pessoal.

Lembretes desta semana:
- N/A.

segunda-feira, 18 de março de 2019

quinta-feira, 14 de março de 2019

Posto de vigia - 2019-03-10 - 53Km/870D+

Reportagem por Vítor Rebelo

Amigos Papa Trilhos e amigos destes, hoje fiquei de vos reportar a voltinha domingueira e aqui estou para, em algumas linhas vos explicar como foram os 53km percorridos e os 870m de acumulado.

Na hora combinada e no primeiro ponto de encontro lá estavam os primeiros participantes e no segundo ponto de encontro estavam mais alguns à espera.


Foi então do conhecimento geral que alguns Papa Trilhos presentes no Parque das Lagoas, decidiram ir fazer outra voltinha com a "desculpa" que não estão em forma.

Antes de prosseguir com a reportagem, deixo aqui algumas considerações e a minha opinião sobre esta questão, ninguém me pediu a opinião mas eu acho pertinente.

Amigos, cada um pedala com quem quer e por onde quer, mas se o intuito é juntar-se ao grupo porque se aproxima uma "viagem", acho que o devemos fazer todos juntos. É claro que todos nós temos a obrigação por tentar estar, mais ao menos, em forma quando da travessia, mas é claro que uns vão estar mais em forma que outros, é normal que assim seja. O que o grupo precisa, não é que tenham todos o mesmo andamento, o grupo precisa de habituação a pedalarmos juntos, habituarmos às presenças uns dos outros, porque a responsabilidade para que o passeio corra bem, é de todos. Os que andam menos fazerem por estar um pouco mais em forma, os que andam mais, saber acompanhar, saber esperar e isso só se consegue se, pedalarmos juntos.

Mas vamos lá continuar a reportagem...

O primeiro destino foi a recta da Makro e daí subimos para contornarmos o tal condomínio onde antigamente "perguntavam-nos os nomes" - Palmela Village, aquele trilho até é interessante, desde que não chova, porque aquele barro vermelho.... Chegámos aos estradões da Quinta do Anjo que nos levaram a Palmela.


Em Palmela o guia levou-nos a descer a Estrada da Cobra...(coisa rara 😁), lá em baixo, na Baixa de Palmela, tomámos a direção de Setúbal e mesmo à entrada da cidade virámos à direita por uns trilhos, "É por aqui!" "Por aí não que é particular" "Então é por ali" com algumas dúvidas iniciais, alguém deve ter dor de barriga, pois já se queriam sentar num bidê e fazer daquilo uma sanita.


Bem, a primeira subida digna de registo estava ali, aquela estrada de alcatrão em forma de parede...e quando começamos a descer, não é que apareceu aquele trilho, à esquerda que nos ia levar ao...Posto de Vigia e desta vez fomos mesmo!!! Não é assim António Sá?

Mas antes de começar a subida, tirámos uma primeira foto de grupo, pois o António Júlio e a Fátima tinham responsabilidades familiares e foram mais cedo para casa.


Vamos lá subir, a clareza de um dia de Sol, sem nuvens e com umas vistas espetaculares, ajudavam a dar algum ânimo...quem já descia, de outros grupos, dizia: "está quase", mas o quase era compriiiiiiiidooooo. Tão comprido que houve uma desistência a meio, o perninhas ficou por ali, à espera que o Grupo descesse. O Bulhão ainda ralhou com ele em forma de incentivo, mas ele estava decidido...

Quem lá chegou estava de parabéns, pois não foi fácil. Apesar do piso estar muito bom, estava muito calor e o ar estava difícil de respirar.

Fotos para todos os gostos, mais uma foto de grupo e começamos a descer. O Vítor juntou-se a nós e tomamos a direção do tanque.


Mais umas subidas e descidas, com um single track muito bom e aquela descida perigosa...que ninguém gosta de subir😁...até chegarmos ao estradão de vale barris.

O mal de estarmos num vale, é que não importa a direção a tomar, temos de subir! Então vamos subir para o cruzamento do Cai de Costas com o fio dental e dali, finalmente acabou as subidas.

Começamos a descer a estrada da fonte dos Pintos e a partir dali, foi quase a direito pela Vila Amélia até à Quinta do Conde.

Começaram as despedidas e boa semana, até Domingo.

Participantes Papa Trilhos:
Isabel Santos San, Maria de Fátima, Ni San, Joaquim Pena San, António Pacheco, Félix San, António Júlio, Pedro Santos, João Vieira, Luís Saiote, António Sá, Jorge Bulhão, João Branco e Vítor Rebelo.

Participantes Amigos:
Manuel e Fernando Vítor

quarta-feira, 13 de março de 2019

Ponto de Encontro - Semana 11

Para esta semana, a proposta do Ponto de encontro é a seguinte:
- sábado, dia 16: Voltinha dos AdolescentesPonto de encontro no Parque das Lagoas às 15.00h.
- domingo, dia 17: Voltinha domingueira Papa Trilhos. Ponto de encontro às 08.30h no Parque das Lagoas, ou às 08.50h na GALP da Qta do Conde.

Caso haja interesse em marcar alguma voltinha, deixem aqui a mensagem para conhecimento do restante pessoal.

Lembretes desta semana:
- N/A.

Aniversário de António Arcângelo - 2019-03-13

Hoje temos uma Papa Trilho aniversariante. Parabéns para a António Arcângelo.


segunda-feira, 11 de março de 2019

Aniversário de Marlene San - 2019-03-11

Hoje temos uma Papa Trilho aniversariante. Parabéns para a Marlene San.



sábado, 9 de março de 2019

Dia de Carnaval - 2019-03-05 - 61Km/631mD+

Reportagem por Ni

Mais um ano, e chega a Terça-feira de Carnaval, como de tradição a volta está destinada ida ao Cristo de Rei. No ponto de encontro olhava-se para o tempo será que chove, perguntava-se com algumas duvidas, o nosso presidente diz que volta molhada é volta abençoada.

Quando estávamos de partida chega os nossos amigos Dias e o Mário para cumprimentar o pessoal e a dizer que iam fazer uma volta mais curta para o Mário começar a andar, ai a nossa amiga Marlene começou a ficar pensativa, e baldou se ao Cristo Rei.


Peidolas nos selins e arrancamos para Apostiça, Corroios, Miratejo e a chegar ao Laranjeiro o nosso amigo João foi ver se chão estava confortável mas desta vez não houve enfermeiro.


Problema resolvido, num instante estávamos em Cacilhas, mais um pouco e parámos no sitio habitual para o foto da praxe.



O céu estava a ficar um pouco escuro era melhor ir andando, e chegarmos ao destino.


E ao começar o regresso foi feita a vontade do presidente, abençoada volta que nos acompanhou até a Trafaria e o vento sempre de frente até a Fernão Ferro e fizemos 61Kms os participantes foram:



quarta-feira, 6 de março de 2019

Voltas, voltas e mais voltas - 2019-03-03 - 50Km/592mD+

Reportagem por António Ribeiro

Como é regra do grupo Papa Trilhos, domingo é sinónimo de voltinha, reunidos no segunto ponto de encontro, lá nos fizemos ao caminho. Seguimos pelo caminho de Negreiros, passando por Casal bolinhos direitos à Serra.

Aí começámos a primeira subida do dia, a subida da "Quinta da Molha", que deu para começar a aquecer, de seguida seguimos por trilhos, alguns já bem conhecidos até ao parque de merendas onde aproveitámos para comer qualquer coisa.

Já aconchegados seguimos por alcatrão junto ao parque do Alhambre voltando a entrar num trilho que nos levaria à estradão do Parral, onde assistimos a uma perseguição de bicicleta a uma viatura motorizada de 4 rodas, digna de uma nomeação para os óscares.

Identificado o infrator estava na hora de retomar a nossa volta de regresso, seguindo pelo estradão, no final deste tirámos a foto de grupo, e continuámos para entrar no sempre "amado" estradão da Quinta do Perú.

E pronto, mais uma manhã bem passada, venham mais.....

Participaram nesta aventura:
Fátima, António, Isabel, Victor Rebelo, Ni, Paulo Alex, Paulo Felix, Dias, Quim Bikes, António Sá, Jorge Bulhão, Luis Paínço e João Branco.

terça-feira, 5 de março de 2019

Maratona BTT Já T´Agarro (Branca-Coruche) - 2019-03-03 - 41Km/341D+

Reportagem por Joaquim Pena

Esta maratona tem um significado especial para mim, pois é realizada na minha terra natal, sendo organizada por um grupo de amigos. Participei em todas as edições, sendo a deste ano a 11ª edição. Como o local da partida/chegada não é o mesmo dos banhos, decidimos chegamos bastante cedo para levantar os dorsais e irmos deixar os carros junto aos balneários do campo de futebol.

Regressamos de bicicleta para o local da partida, mas não pelo caminho mais curto, aproveitando para fazer um aquecimento com cerca de 7kms, porque sabíamos que partida ia ser muito rápida.

Como no final da maratona não tínhamos muito tempo resolvemos ir ao pódio antes da partida, AHAHAHA.


A partida estava marcada para as 9 horas junto à Igreja, com cerca de 300 participantes. A partida foi dada em simultâneo embora as distâncias estivessem divididas em duas zonas, os 70Km na frente e o 40Kms atrás.

Nos primeiros 700 metros os ciclistas circularam a baixa velocidade atrás do carro da organização, a partir dai o carro acelerou e a prova passou a andamento livre.

O Luís Saiote tentou seguir com as "motas" que arrancaram muito forte. Andou nos grupos da frente tendo feito 18º da geral da Meia-Maratona.


O primeiro single track estava a 5,5kms do inicio do percurso e provocou um pequeno engarrafamento, fazendo com que pessoal que eu já tinha passado se voltasse "colar".


O percurso estava bem marcado, foi bastante variado, tinha zonas de sobe e desce, vários singles tracks e alguns estradões onde se podia andar bastante rápido.

Nos anos anteriores, o almoço costuma ser bastante bom e variado. Os Papa Trilhos Luís Saiote e João Vieira não ficaram para o almoço, fizeram logo o regresso a casa. Eu, devido a compromissos familiares, este ano também não fiquei para almoçar.


A prestação dos Papa Trilhos na Meia-Maratona (40km) foi:

Escalão Master B dos 40 aos 49 anos
Luís Saiote 6º de 64

Escalão Master C 50 anos ou mais
Joaquim Pena 8º de 47
João Vieira 23º de 47

Participaram: João Vieira, Luís Saiote e Joaquim Pena.



segunda-feira, 4 de março de 2019

Ponto de Encontro Especial - Semana 10

Para esta semana, a proposta do Ponto de encontro é a seguinte:
- 3ª feira, dia 05, CARNAVAL: Voltinha Papa Trilhos de Carnaval - ida e volta até ao Cristo Rei. Ponto de encontro ÚNICO, às 08.30h no Parque das Lagoas. Quem quiser pode vir mascarado ;-)
- sábado, dia 09: Voltinha dos AdolescentesPonto de encontro no Parque das Lagoas às 15.00h.
- domingo, dia 10: Voltinha domingueira Papa Trilhos. Ponto de encontro às 08.30h no Parque das Lagoas, ou às 08.50h na GALP da Qta do Conde.

Caso haja interesse em marcar alguma voltinha, deixem aqui a mensagem para conhecimento do restante pessoal.

Lembretes desta semana:
- N/A

VOLTINHA ESPECIAL DE CARNAVAL

Para o dia de Carnaval está programada a tradicional voltinha Papa Trilhos até ao Cristo Rei. Este passeio terá a distância aproximada de 60Km com cerca de 600mD+. Sendo uma voltinha maior, será espectável que cheguemos ao Parque das Lagoas um pouco mais tarde que o habitual.

Solicita-se aos Papa Trilhos participantes que levem o equipamento Papa Trilhos. Quem quiser, também pode ir mascarado.

sexta-feira, 1 de março de 2019

Éramos Treze - 2019-02-24 - 47Km/860mD+

Reportagem por António Sá

24 de Fevereiro de 2019, Fernão Ferro e às 8:30 no primeiro ponto de encontro reuniram-se 11 pedalantes que partiram em direção ao segundo ponto de encontro, Qta do Conde, onde apareceram mais dois.

Éramos treze, para uns é o número do azar para outros o de sorte, para os Papa Trilhos é sinónimo de pedalar.

Saída da Qta do Conde em direção a Palmela onde voltámos à direita para os estradões interiores que nos levariam até à zona de Cabanas onde entrámos na serra com a primeira de algumas boas subidas que a manhã nos reservava. Chegados ao cruzamento do cai de costas, seguimos pelo fio dental até ao inicio do asfalto onde iniciámos a subida para a zona das antenas e foi ai que tivemos a primeira contrariedade do dia, com a bike nova do Luís Painço a furar. Mecânicos ao serviço e ainda houve tempo para “alguém“ travar sem a roda colocada e colar as pastilhas. Aqui na foto não se consegue perceber quem foi…

Com o pessoal todo bem disposto voltámos a subir na direção das antenas e antes de lá chegar virámos à direita para descer um trilho bem durinho. Tudo reunido e voltámos a subir por asfalto até ao início do trilho para o posto de vigia.

Todos com cara de boa disposição, lá iniciámos o famoso trilho do posto de vigia. Lá bem em cima e antes do ataque final, devido ao adiantado da hora decidimos vir à esquerda para a capela de São Luís. Já é a segunda vez que fico com água na boca por não ter subido até ao topo.

Chegados à capela, hora de reabastecer e para a nossa foto de grupo.

Saímos da Capela pelos trilhos que nos levariam à zona do tanque para um pouco mais acima voltarmos à esquerda para descermos até ao Alcube. Se estamos no Alcube e queremos ir para casa, lá temos que subir, lá fomos pelo asfalto com o calor a começar a apertar até ao alto das necessidades.

Tudo fresco e fofo preparados para um regresso tranquilo e quando menos se espera em plena descida para vendas de azeitão rebenta-se a corrente do Carlos Prazeres. Mecânicos novamente reunidos e afinal não foi tão grave como se pensava, era só o elo de ligação da corrente que se tinha soltado. Ainda se ouviram umas vozes a dizerem que, mais uma vez, o “Drº” não trazia material de substituição.

Mais uma boa voltinha em excelente companhia. Próximo domingo há mais, venham pedalar.

Participaram os Papa Trilhos: Isabel, João Vieira, Paulo Alex, Carlos Prazeres, Luís Saiote, Luís Painço, Filipe Campos, Félix, Vítor Rebelo, João Branco, Pacheco, António Sá e o amigo Eduardo.