BY NIGHT 2019 - 27 JULHO - inscrições abertas até 24 de Julho. . . PEREGRINAÇÃO A FÁTIMA - 21 e 22 de Setembro - Inscrições encerradas.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

by night 2019

Inscrições até 24 Julho.

Mais informações - clicar na imagem.


Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Seguro FPCUB 2019 - informações.
- Peregrinação a Fátima 2019 - informações - versão 2019-06-01



quinta-feira, 14 de março de 2019

Posto de vigia - 2019-03-10 - 53Km/870D+

Reportagem por Vítor Rebelo

Amigos Papa Trilhos e amigos destes, hoje fiquei de vos reportar a voltinha domingueira e aqui estou para, em algumas linhas vos explicar como foram os 53km percorridos e os 870m de acumulado.

Na hora combinada e no primeiro ponto de encontro lá estavam os primeiros participantes e no segundo ponto de encontro estavam mais alguns à espera.


Foi então do conhecimento geral que alguns Papa Trilhos presentes no Parque das Lagoas, decidiram ir fazer outra voltinha com a "desculpa" que não estão em forma.

Antes de prosseguir com a reportagem, deixo aqui algumas considerações e a minha opinião sobre esta questão, ninguém me pediu a opinião mas eu acho pertinente.

Amigos, cada um pedala com quem quer e por onde quer, mas se o intuito é juntar-se ao grupo porque se aproxima uma "viagem", acho que o devemos fazer todos juntos. É claro que todos nós temos a obrigação por tentar estar, mais ao menos, em forma quando da travessia, mas é claro que uns vão estar mais em forma que outros, é normal que assim seja. O que o grupo precisa, não é que tenham todos o mesmo andamento, o grupo precisa de habituação a pedalarmos juntos, habituarmos às presenças uns dos outros, porque a responsabilidade para que o passeio corra bem, é de todos. Os que andam menos fazerem por estar um pouco mais em forma, os que andam mais, saber acompanhar, saber esperar e isso só se consegue se, pedalarmos juntos.

Mas vamos lá continuar a reportagem...

O primeiro destino foi a recta da Makro e daí subimos para contornarmos o tal condomínio onde antigamente "perguntavam-nos os nomes" - Palmela Village, aquele trilho até é interessante, desde que não chova, porque aquele barro vermelho.... Chegámos aos estradões da Quinta do Anjo que nos levaram a Palmela.


Em Palmela o guia levou-nos a descer a Estrada da Cobra...(coisa rara 😁), lá em baixo, na Baixa de Palmela, tomámos a direção de Setúbal e mesmo à entrada da cidade virámos à direita por uns trilhos, "É por aqui!" "Por aí não que é particular" "Então é por ali" com algumas dúvidas iniciais, alguém deve ter dor de barriga, pois já se queriam sentar num bidê e fazer daquilo uma sanita.


Bem, a primeira subida digna de registo estava ali, aquela estrada de alcatrão em forma de parede...e quando começamos a descer, não é que apareceu aquele trilho, à esquerda que nos ia levar ao...Posto de Vigia e desta vez fomos mesmo!!! Não é assim António Sá?

Mas antes de começar a subida, tirámos uma primeira foto de grupo, pois o António Júlio e a Fátima tinham responsabilidades familiares e foram mais cedo para casa.


Vamos lá subir, a clareza de um dia de Sol, sem nuvens e com umas vistas espetaculares, ajudavam a dar algum ânimo...quem já descia, de outros grupos, dizia: "está quase", mas o quase era compriiiiiiiidooooo. Tão comprido que houve uma desistência a meio, o perninhas ficou por ali, à espera que o Grupo descesse. O Bulhão ainda ralhou com ele em forma de incentivo, mas ele estava decidido...

Quem lá chegou estava de parabéns, pois não foi fácil. Apesar do piso estar muito bom, estava muito calor e o ar estava difícil de respirar.

Fotos para todos os gostos, mais uma foto de grupo e começamos a descer. O Vítor juntou-se a nós e tomamos a direção do tanque.


Mais umas subidas e descidas, com um single track muito bom e aquela descida perigosa...que ninguém gosta de subir😁...até chegarmos ao estradão de vale barris.

O mal de estarmos num vale, é que não importa a direção a tomar, temos de subir! Então vamos subir para o cruzamento do Cai de Costas com o fio dental e dali, finalmente acabou as subidas.

Começamos a descer a estrada da fonte dos Pintos e a partir dali, foi quase a direito pela Vila Amélia até à Quinta do Conde.

Começaram as despedidas e boa semana, até Domingo.

Participantes Papa Trilhos:
Isabel Santos San, Maria de Fátima, Ni San, Joaquim Pena San, António Pacheco, Félix San, António Júlio, Pedro Santos, João Vieira, Luís Saiote, António Sá, Jorge Bulhão, João Branco e Vítor Rebelo.

Participantes Amigos:
Manuel e Fernando Vítor

1 comentário: