. . . PEREGRINAÇÃO A FÁTIMA - 21 e 22 de Setembro - Inscrições encerradas.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Seguro FPCUB 2019 - informações.
- Peregrinação a Fátima 2019 - informações - versão 2019-06-01



quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Volta de Feriado - 2019-08-15 - 49Km/760mD+

Reportagem por João Branco

Dia de feriado religioso, Assunção de Nossa Senhora, com mais um passeio Papatrilhos, desta feita com vista à preparação da peregrinação a Fátima.

Até à hora habitual de arranque, no parque das lagoas, foram-se juntando alguns dos participantes deste passeio. Pelo fato do aniversariante João Veira ter um compromisso (um não dois, e um deles era pagar umas minis à malta acompanhadas com o dito camarão de alqueive, ou melhor do Eusébio) e de ter necessidade chegar mais cedo previa-se uma voltinha intensa voltada para o segundo dia da peregrinação. Na quinta do Conde apanhamos o atrasado António Sá e seguimos pela ciclovia em direção à estrada da Coca-Cola.

Até ao início da primeira subida era concentração total dos participantes – apenas era audível o barulho do rolar dos pneus, até que o Saiote iniciou as hostilidades comunicativas com vista às adversidades da subida. Coragem, controlo da respiração, mete ritmo e subida acima. Sensivelmente a meio, o paparazzi, fresquinho que nem uma alface, Saiote, batia umas chapas sempre com um sorriso malandro no rosto.

No topo da subida o senhor Presidente/Guia deu um puxão de orelhas aos galgos que fizeram aquilo no “red line”, referindo que a direção era outra. Parece que se deveria ter seguido pelo trilho do coelho, mas ninguém quis descer para voltar a subir com aquela intensidade. Lá seguimos para montanha russa onde se desce e sobre quase sem necessidade de pedalar curtindo até à nacional 10. Reunidas as tropas seguiu-se em direção às casas abandonadas onde um elemento de Pinhal Novo se juntou ao grupo. O Eduardo, rapazote com uns invejosos 19 anitos, juntou-se aos “Kotas” e serviu de companhia ao Saiote nas suas tiradas ladeira acima. Divertiram-se o dois até ao estradão da Quinta do Peru.

Após estes “singles” sempre especulares subimos em direção ao moinho do Cuco onde tiramos a foto de grupo. Do Cuco à Califórnia sempre a abrir e sempre a descer com a proteção da Nossa Senhora, como diz o ditado quem desce tem que subir e surpresa: Subida Camping dos Picheleiros. Como o guia não estava contente mais uma rampazinha a 13% com muita gravilha solta que resultou no vídeo com mais “likes” nos próximos tempos e que levou alguns protagonistas a solicitarem a proibição da divulgação das imagens.

A determinada altura entramos no trilho feito no “By Night” em direção a Fernão Ferro com paragem obrigatória no Café Avenida, nas Fontainhas, para a tal mini mas acompanhada de batatinha frita.

Um total de aproximadamente 49 km, 760 de acumulado, três horas a pedalar, uma no ajuntamento, repasto e conversa.

Sem comentários:

Enviar um comentário