GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações.
- Gala Papa Trilhos 2017, 01 Dezembro - inscrições.


domingo, 11 de março de 2012

2012-03-04 Cabo Espichel 55km

Reportagem de Rui San
Após ideia do Ni San para o grupo fazer a voltinha domingueira pelo Cabo Espichel assim o fizemos.Ponto de Encontro único no Parque das Lagoas e pouco depois da hora marcada lá fomos nós em direcção ao Cabo Espichel.Os primeiros km foram feitos pela estrada da Lagoa onde o grupo se foi espalhando à medida do ritmo de cada, mas sempre em linha de vista e, assim fomos percorrendo km´s até ao desvio para o estradão (subida) para a Azoia.A partir daqui até ao Cabo Espichel seria sempre fora de estradão, percorrendo o estradão da Azoia, até à falésia.Chegados à falésia reagrupamento para seguirmos em direcção ao Farol e um pouco mais à frente e junto à vegetação registou-se a queda do Paulo Alex San, como que num acto de acrobacia de cama elástica, segundo os relatos de quem visualizou a cena.Tudo bem com o Paulo e prosseguimos para o Farol e de imediato para o Santuário do Cabo Espichel.Daqui iniciámos o regresso ao nosso ponto de partida, e seguimos até à praia das bicas onde tirámos a nossa foto de grupo.Foto tirada e de novo em cima das bikes em direcção ao Meco, novamente na estrada da Lagoa até ao estradão de ligação à antiga estrada de Sesimbra e novamente Parque das Lagoas.Voltinha agradável numa manhã cheia de sol para não variar o que se tem registado nestes dias, com 55km e um acumulado de muitos metros de boa disposição, com 21 particantes.

2 comentários:

  1. Olá ,
    Foi uma Voltinha muito agradável, tirando a parte da queda elástica. Já à bastante tempo que não ia ao Cabo Espichel. O acumulado de boa disposição também ajudou bastante.
    Saudações.

    ResponderEliminar
  2. Bela volta a do Espichel!
    Um belo percurso até ao Espichel, muito Sol, muita boa disposição… e muitos fotógrafos! Montes deles! Paletes!
    Os Paparazzis estiveram em grande, em parte devido à luminosidade do dia, mas sobretudo devido à declarada fotogenia dos participantes do passeio. Aquilo é uma malta muita bonita pá! Pronto, já vos chamei de vaidosos, eh eh eh.
    Alguns fotógrafos foram topados pela malta mais astuta, mas outros, que lembravam os snipers americanos do filme Swat, eram difíceis de serem descobertos… eles haviam-nos escondidos atrás de postes, árvores, janelas, pedras, deitados no chão, alguns até pegaram em bicicletas e fotografavam em andamento com roupas de ciclista e tudo! O Rui parecia um “elástico”. Ele era para trás e para a frente para enquadrar o pelotão todo . Boa forma hein Rui? E tudo isto em prol do clique, que esta malta gosta de se ver nas fotos no saite! Eu também, claro… até há aí uma foto que estou a pensar em emoldurar e meter por cima da lareira lá de casa!
    Talvez devido a toda essa conjuntura, o Paulo Alex se mandou para o chão numa tentativa de se baldar à trabalheira que seria escolher e publicar algumas fotos no site. “Ah e tal, estou lesionado… estou que nem posso da mão!” Talvez… mas Paulo, ficaste com outra mão boa e essa servirá para a tarefa! Não te escapas. Mas foi um bom teatro, parabéns!
    O regresso foi animado e de andamento vivo. No final, a subida da estrada velha de Sesimbra foi feita em grande pedalada, com um bom ritmo imposto pelo Carlos. Quando pensávamos que íamos à frente, lá fomos caçados por um fotógrafo que andou mais que nós, só para nos clicar. Eh pá, que profissionalismo!
    Este foi sem dúvida um passeio para literalmente recordar mais tarde, com fotos, montes delas!
    As melhoras para o Paulo Alex, espero que não seja nada de grave no pulso!

    Hasta
    Luis

    ResponderEliminar