BY NIGHT 2017 - 29 DE JULHO.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

by night 2017

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- renovação do seguro da FPCUB 2017 - consulta.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Papa Trilhos by night 2010 - VIDEO

O Passeio de BTT "Papa Trilhos by night 2010" realizou-se no dia 31 de Julho. Pois é, faz precisamente hoje 1 mês! Foi um passeio com a participação de meia centena de atletas que pedalaram num percurso de 35Km por algumas ruas da freguesia de Fernão Ferro e pela Serra da Arrábida.

Depois de publicadas as fotos do passeio e a respectiva reportagem, chegou a hora de efectuar a apresentação oficial do video do evento.

Aqui fica a introdução do video com cerca de 2min dos 30min integrais do filme.



O video integral está disponível mediante encomenda pelo valor simbólico de 5€ (+ portes de envio caso seja escolhida a opção de correio +1€).

O formulário de encomenda está disponível neste link.

Os pagamentos deverão ser efectuados através de transferência bancária para o NIB 0007.0000.00614890276.23 (BES) e enviar mail com o respectivo comprovativo para papatrilhosbtt@papatrilhos.com.

Consulta das encomendas - clicar aqui.

Os Papa Trilhos agradecem a todos os que contribuiram para a realização deste evento - pedalantes, acompanhantes, famílias, staff, guias, ... OBRIGADO!!!!

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Alpen Tour 2010 - 22 Julho a 01 Agosto - Dia 7 - 41Km

Reportagem de Jorge Nunes

Dia 7 Arosa - Chur 41 Kms Acumulado 947 mts

Chovia muito nessa manhã e a vontade de chegar ao fim não era nenhuma. O perfil que nos esperava só tinha no inicio uma subida com cerca de 18 kms. Todo resto do percurso era a descer, ao contrário de toda a semana, ficámos com o corpinho na palha até às 09:00h (seria do cansaço ou da vontade em não terminar o que estava a ser tão bom). A muito custo lá fomos para o pequeno almoço e depois das bikes prontas pernas ao caminho...

A chuva lá abrandou um pouco, mas as nuvens, cada vez que íamos subindo, o nevoeiro era maior.

Alguém comentou - " parece tempo de neve....."; continuando subida acima junto das pista da estância de Arosa. Podem ver aqui os canhões de neve a amarelo.

Ao chegar quase ao topo desse dia, cada vez mais percebia-se o que nos reservava os kms seguintes.  Aos primeiros sinas da neve já se viam...

... e mais uma vez lá começou a tarefa de levar as bikes as costas.


Já começa a cair neve em cima do pêlo e o frio era cada vez maior. Mais à frente era inevitável ter de atravessar a neve.


Finalmente chegados ao topo.

Iria começar a grande tareia da descida - 27 kms sempre a descer, dos 2546mts para os 585mts (descer 2000mts em 27 kms). Foi aqui que tive o meu segundo contacto com o solo dos Alpes (para sorte minha desta vez foi na erva). Tralho à parte, cada vez mais o nosso destino final estava à vista. Ainda passámos por uns prados verdejantes.

Por volta das 14:00h tínhamos chegado à cidade de destino.

Agora só faltava chegar ao parque onde tinha ficado a carrinha e reboque a semana toda. Estava tudo muito apreensivo. Felizmente, como estávamos num País de seu nome SUIÇA, nada se tinha passado e lá estava a nossa viatura como se estivesse ali à 5 min.

Depois de carregarmos a carrinha, iniciámos o nosso regresso.

PS: ALPES SUIÇOS - UMA MARAVILHA QUE SÓ SE PERCEBE AO VIVO.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Alpen Tour 2010 - 22 Julho a 01 Agosto - Dia 6 - 60Km

Reportagem de Jorge Nunes


Dia 6 Keschhutte Sac - Arosa 60 Kms Acumulado 2000 mts

Mais uma alvorada bem cedo. O pequeno almoço começava a sair às 07:00h da matina. Não sei se foi de dormir na altitude ou do cansaço que se vinha a acumular, mas acordei cansado, como se não tivesse dormido nada. De certo que iria ser um dia muito duro. Depois das meninas estarem prontas a rolar, ainda houve tempo para fazer uma foto só delas (também mercerem tem sido as estrelas da etapa).

Hoje para ser diferente de todos os outros dias, íamos começar o dia a descer dos 2600mts para os 1000mts. Seria uma descida muito acidentada e logo pela manhã, ainda a dormir, não hesitei a experimentar o quanto duro são as pedras dos Alpes (pena não haver fotos, mas foi um tralho dos valentes!) Pela 1ª vez após tantos kms precorridos, montanhas abaixo lá seguimos viagem.

Entre mata e rios logo, logo se fez hora de almoço. Parámos num restaurante para aquecer um pouco (o dia hoje estava chuvoso e frio) e comer umas massas... não se comeu outra coisa...

Após o descanso e mais quentinhos, começou a grande subida que tínhamos de ultrapassar até ao nosso destino. Como todas as outras, no seu inicio era de alcatrão, passando depois para terra batida e finalmente a pé...

Por aqui ainda havia casas... os calhaus isolados estavam para chegar...

... mais uma vez lá iamos nós para as nuvens....

O calvário "a lá mão" começava e ainda faltava uns kms largos para o topo!

O frio cada vez se fazia sentir mais.

Quase no topo de novo!

Lá estávamos nós nos 2440mts. Fazia um vento brutal que para enfrentar a descida que se seguia largamos as bikes e fomos para dentro de um abrigo de montanha aquecer um pouco.

Descida abaixo, lá fomos nós rumo a Arosa (famosa estância de ski) que era o nosso destino.

Como podem ver na foto, nem a descer dava para circular de bike.

Ao fundo vemos o nosso destino!

Mais uma vez a chegada foi já bem tarde por volta das 19:30h. Ficámos acomodados no Hotel e fomos tomar banho antes da janta. O dia tinha sido muito difícil. Quanto mais para o fim estávamos da aventura, o tempo não ajudava em nada, chovia e fazia frio!!!

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Alpen Tour 2010 - 22 Julho a 01 Agosto - Dia 5 - 58Km

Reportagem de Jorge Nunes

Dia 5 Scuol - Keschhutte Sac 58 Kms Acumulado 1994 mts

Mais uma alvorada bem cedo, como habitual. Os ânimos estão muito em alta, pois hoje seria a etapa Rainha desta volta. Íamos bater o record de altitude e iríamos ficar a pernoitar num Hotel em plena alta montanha.

Como habitual depois de encher a barriguita do pequeno almoço e preparar as nossas meninas (bikes), fizemos-nos a estrada , mais uma vez logo a subir e bem.

Sendo no inicio uma estrada de alcatrão com uma subida bem acentuada lá fomos nós desfrutando, mais uma vez, de belas paisagens.

Continuando num sobe e desce constante (mais a subir que a descer), fomos ficando cada vez mais perto do nosso grande objectivo desse dia, que ficava lá bem no alto das montanhas. Fizemos uma paragem para o almoço cerca das 14:00h.

Daí para a frente é que começou o meu calvário (de certo que dos outros também, mas só posso relatar o meu). Ao inicio até que se levava na boa, sendo distraído pelo correr do rio e pela mata que se via em nosso redor.

Subida acima com vento e o frio a começar a fazer moça, o desespero começou a tomar conta de mim (lá tive de pôr em pratica o que um Militar aprende a ser - Resistir até a Morte). Como podem ver o caminho não facilitava a nossa progressão.

E quanto mais se subia ele ficava neste estado

Os últimos 10 kms foram feitos com a bike as costas, com a altitude a fazer a sua moça. Respirar era uma tarefa bem difícil. A passada tinha de ser lenta (tudo me passou pela cabeça EX: "....reservamos o hotel pela net será que neste fim do mundo estará aberto a nossa espera...." ; mas quem se lembra de passar por aqui de bike, só os loucos....) e bem gerida para chegar ao objectivo. Finalmente vejo uma pequena casa em madeira bem pequena no horizonte... "deve ser ali...", mas nunca mais conseguia lá chegar. Bem perto das 18:00h finalmente chego ao tão cobiçado ponto mais alto da nossa jornada.

Era o MAIOR DO MUNDO, depois de tanto sofrimento e de estar regelado não resisti a abrir o corta vento e fazer questão de mostrar aquelas montanhas a camisola dos Papa Trilhos.

A vista em redor era soberba.

Algum tempo depois, chega o nosso ultimo companheiro que trazia a moral completamente em baixo. Vinha com a sua menina às costas, naturalmente como os outros o fizeram, mas as noticias não eram as que ninguém queria ouvir (dei uma queda e parti a escora traseira em carbono... para mim acabou aqui os Alpes). Como sempre o moral deste pessoal não se fez abater. Vamos tomar um banho que já se faz tarde. O jantar sai as 19:00h e depois logo se resolve isso - não te preocupes que tem solução!

Após um jantar bem condimentado.

Toda a equipe foi por mãos à obra para resolver o problema do camarada que afinal era de todos. Como iríamos resolver um problema daqueles num sitio daqueles? Depois de uma volta pela oficina e cozinha do hotel, alguém viu a solução para o problema (passava por uma lata de pessego e fita isoladora).

Como podem ver nas imagens, foi colocada fita isoladora na escora de carbono para proteger o contacto com a tala metálica que foi feita da lata.

Depois foi colocada mais fita isoladora a envolver tudo, no final foram colocadas abraçadeiras para reforço.

E assim ficou. No dia seguinte logo se iria ver como se portava.... mas o nosso mecânico de serviço (Baleia) disse logo - "isto aguenta de certeza". Como com este trabalhinho já se fazia tarde, fomos recolher às nossas camas muito originais.

... ehehehe!!!

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Ponto de Encontro - Semana 35

Com a Agosto a acabar, assim como as férias de muita gente, aqui fica o ponto de encontro desta semana:
- domingo, dia 29: Voltinha domingueira Papa Trilhos. Ponto de encontro às 08.00h no Parque das  Lagoas

Caso haja interesse em combinar mais alguma voltinha, deixem aqui a mensagem para conhecimento do restante pessoal.

Por Terras Mouriscas - 2010-08-13 - 54Km

Reportagem de Mimosa San

Apesar de estar de ferias durante 3 semanas, não deixei de dar umas voltinhas de bicicleta, entre elas, a que passo a citar, pois foi sem duvida a melhor e em boa companhia, como podem ver nas fotos que envio.

O dia em questão foi o 13/8, o da semana foi sexta-feira, isto para alguns poderia ser uma dor de cabeça, mas não para mim, pois não acredito em BRUXAS mas que as HÁ lá isso HÁ!!!

As horas de saída não interessam mas foi de manhã, o percurso a seguir inicialmente era até há Cidade de Tavira, e volta pelo mesmo lado, ou seja sempre por alcatrão na afamada estrada nacional 125.

Assim que chegámos a Tavira, fizemos um passeio pela Cidade, onde deu para ver montras ou não estivesse eu acompanhado por uma Gaja, assim como a visita a uma loja de Bikes, pois precisava de óleo para a corrente e para meu espanto tive que comprar um frasco do dito liquido, já que o funcionário fez orelhas moucas ao meu pedido de me por um pouco de óleo na corrente, mas enfim nem todos somos iguais.

O regresso foi feito sem querer por uma via clicável, já que fiz um desvio até Cabanas de Tavira, e foi aqui mesmo que a encontrei, seguindo sempre a sinalização existente, e diga-se de passagem, muito bem marcada e visível, e até Vila Real Stº António foi sempre por sítios fantásticos, fossem de terra ou de alcatrão passando pelas localidades que passarei depois a citar, e imaginem até tem uma ponte de madeira “ai se o RIKY a descobre”.

Ao todo foram 54Kms.
“IDA, Vila Real, Hortas, Altura, Vila Nova Cacela, Caíana, Conceição Tavira, Tavira”;
“Volta, Tavira, Cabanas Tavira, Fabrica, Cacela Velha, Manta Rota, Altura, Retur, Hortas, Vila Real”
Participantes 2 eu e a minha Gaja

P.S. esta reportagem só aparece hoje porque estive sem net durante as férias e também não me fez falta nenhuma héhéhé.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Alpen Tour 2010 - 22 Julho a 01 Agosto - Dia 4 - 51Km

Reportagem de Jorge Nunes

4º Dia Sta Maria - Scuol 51 Kms Acumulado 1478 mts

Logo pela manhã bem cedo já se fazia sentir o barulho na camarata... alguém dizia - " Bora lá levantar que se faz tarde "; outro responde - "epá hoje é metade do caminho, só são 51 kms temos tempo!". Conversas à parte, depois da bucha do pequeno almoço, lá nos fizemos à estrada (hoje previa-se novamente entrar em Itália e atravessar o famoso "Val d Uina" - Património da Humanidade).

Para variar um pouco do habitual, foram 18 kms a descer até chegar à fronteira entrando em Itália pela 2ª vez.

Os ânimos iam muito animados. Hoje vai ser rápido.... logo, logo aparece a 1ª montanha (já se sabia que iria ser uma subida de alcatrão bem inclinada com 15% em grande parte do percurso). Vista do cimo da subida:

Mas o pior do dia estava ainda para chegar. Ninguém fazia a menor ideia do que ia aparecer. Paragem para almoçar antes de entrar na fase derradeira da subida. Do ponto que se parou para a frente só tínhamos sitio onde comer do outro lado da montanha! Já dava para ver como foi o resto do caminho!

Vale acima cada vez se tornava mas difícil conseguir pedalar. Já se usava a velhinha à frente e atrás e as pernas não desenvolviam. Era mesmo inclinado, e bem comprido (o cai de costas era 0.0001% da dificuldade). Eu fui logo o 1º a perder a vergonha e vai de desmontar e levar a bina à unha. Mas afinal quando olho bem lá para a frente, os Duros também passavam pelo mesmo! Porque seria????? Esta imagem mostra bem o sofrimento:

Foto tirada do cimo da subida aos 2309mts:

Sofrimento passado, finalmente estava aos nosso olhos o famoso Val d Uina. Podem ver em fotos, pois nem tenho palavras para descrever... Ficam as fotos:

Mais uma...

Se procurarem na net por esta maravilha há muitas fotos e vídeos.

Após todo este caminho feito à unha mesmo a descer (foram cerca de 8kms), montamos novamente nas bikes e foi sempre a ripar por ali a fora até chegar ao nosso destino: Scuol.

Finalmente e pela 1º vez estávamos a chegar a horas decentes, cerca das 17:00h, depois de acomodados, ainda deu tempo para dar uma volta pela cidade onde encontramos presença Tuga na Suiça.

Pena estar fechado, seria um bom sitio para passar um bom bocado...

Logo nos fizemos à nossa Pousada da Juventude.