GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- renovação do seguro da FPCUB 2017 - consulta.
- Ecopista do Dão, 16 e 17 Setembro - informações. CANCELADO


sexta-feira, 7 de março de 2014

3ª feira de Carnaval 04-03-2014 - 65 Km

Reportagem por Mário San e Bela San

Como tem vindo sendo hábito, nesta 3ªfeira de Carnaval a voltinha tem destino marcado: Cristo Rei. Assim, lá estávamos no local marcado, às 8h30m.

Atrasámos um pouco a saída, pois “Cleber” (Borda d’Água) teve um pequeno problema mecânico, o qual a “loura” (Nelson San) de serviço se prontificou a solucionar.


Avaria tratada, iniciámos a nossa aventura pedalante em direção ao Cristo Rei.

Rumámos para a Apostiça, atravessando Verdizela, seguindo em direção a Corroios, passando pelo aterro. A paragem seguinte foi em Cacilhas, junto à Nau quebrando o tradicional abastecimento na pastelaria da Cova da Piedade.


A bordo da nau, e graças à simpatia dos dois marinheiros de serviço, tirámos a foto do grupo.

Fotos tiradas e, com alguns desvios forçados devido ao portão de ferro estar fechado, dirigimo-nos para a subida mor, rumo ao Cristo Rei.


Estávamos bem cá no cimo, por isso, os próximos Kms só poderiam ser a descer. E assim foi... seguimos para Almada, Monte da Caparica, descemos até à Trafaria e aqui subimos um trilho que nos levou ao antigo Regimento de Artilharia e Costa. Impressionante como pode o nosso estado deixar ao abandono, o que em tempos foi usado como ponto de defesa da nossa costa.


Daqui pedalámos pela arriba, de onde podemos observar a bravura do nosso oceano. Estava com um ar muito zangado, muito agitado, prometendo continuar a não dar tréguas à nossa costa. Chegados à Costa da Caparica e ao contrário dos anos anteriores, não havia ninguém a passear com aqueles sorrisos na cara, nem tão pouco mascarados.


Caminhavam pelo paredão com um ar triste, murmurando e observando os estragos que o mar tem vindo a causar. Nada nem ninguém é superior à Mãe Natureza. A Mãe Natureza parece estar a querer recuperar tudo aquilo que lhe tem sido retirado.


Enfim a hora já ia avançada, pelo que o regresso foi direto a Fernão Ferro, passando pela Fonte da Telha, Verdizela e Apostiça. No final, fizemos 65Km com 738m de acumulado.

Os sortudos que folgaram a meio da semana para visitaram Cristo Rei foram:

Mário, Bela, Félix, Tiago, Borda d’Agua, Nando, Arcanjo, Carlos, Isabel, Ni, Nelson, Fernando, Fátima, Gina e Quim Bikes.

Sem comentários:

Enviar um comentário