Os Papa Trilhos desejam FESTAS FELIZES a todos os familiares e amigos. Um BOM ANO de 2018 com muitos kms a pedalar.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações. Actualizado em 2017-11-27.
- Seguro FPCUB 2018 - informações.


quarta-feira, 13 de maio de 2009

Maratona de Idanha - 2009-05-09 - 56Km

A Maratona de Idanha já estava no calendário dos Papa Trilhos à bastante tempo. Por isso, a ansiedade era grande. Os preparativos começaram bem cedo, com alguns Papa Trilhos a irem na manhã de 6ª. Os restantes foram indo ao longo do dia com destino a Monfortinho onde já tínhamos reservado estadia.

Antes de irmos para o alojamento, fomos jantar num restaurante em Penha Garcia.

O dia de sábado amanheceu fresco mas com sol. Depois do pequeno almoço, fizemo-nos à estrada até Idanha. O movimento de bikes era grande e depois de aperaltados com as nossas bikes, fomos para a zona de partida. Ainda tivemos o prazer de trocar algumas conversas com o Pedro Teixeira da COFIDES que nos fez companhia nos Kms iniciais.

Começámos com a voltinha da praxe pela ruas da cidade de Idanha. O congestionamento era muito, pois as ruas eram um pouco estreitas. Depois, seguimos para a descida da Calçada Romana que nos levaria ao inicio dos desejados trilhos.

Os primeiros 20Km foram bastante rolantes, com paisagens muito bonitas. O tempo que estava mais fresco que durante a semana, proporcionou um óptimo dia para a prática de BTT. Nestes primeiros Kms ainda tivemos algumas peripécias: o Fonseca que teve uma pequena queda devido a um furo (2 em 1) e, o Rui San que também teve um furo.

O nosso camarada Fernando teve uma pequena queda que causou algumas dores nas zona das costelas. Continuou a pedalar, mas com algumas assistências pelos bombeiros. Um dos pontos positivos foi que ao longo do percurso encontrávamos vários pontos com bombeiros e ambulâncias para dar assistência aos atletas. Mais tarde, as dores impossibilitaram o Fernando de continuar e foi conduzido até ao hospital.

A viagem continuava. Os abastecimentos eram bons, com muita água, fruta, bolos. Durante o percurso íamos passando vários postos com abastecimento de água, fora das zonas de abastecimento previstas - muito bom.

A zona mais bonita do percurso foi quando chegámos junto do rio. Um single track de vários kms seguiu o rio, com zonas muito técnicas e outras que só mesmo com a bike às costas. Não faltou nada, até havia uma zona de mergulho.


Quando deixámos o rio em direcção a Salvaterra, foi sempre a subir. Algumas descidas vertiginosas seguidas de subidas de cair para trás. Antes de chegar a Salvaterra ainda passámos por uma subida (claro!) de calçada romana, que criava umas dificuldades adicionais. Em Salvaterra aguardava-nos mais um abastecimento.

De Salvaterra até à fronteira com Espanha, era-nos apresentada uma longa descida com muitas pedras e muito técnica. Parte desta só era possível fazer à mão.

Passámos a fronteira começámos a pedalar em Espanha. Era a 1ª internacionalização dos Papa Trilhos. Zarza já estava à vista quando o Rui San começou a sentir-se indisposto e não conseguiu continuar. Chegou a Zarza com a ajuda dos colegas. A pouco e pouco foram chegando os restantes Papa Trilhos e optou-se por ficar por ali. O restante percurso seria o do regresso a Idanha, para completar a maratona com um grau de dificuldade maior.


Fizemos o regresso de carro até Monfortinho, onde tomamos banho e de seguida fomos até Idanha onde estava o Sérgio e o Paulo Alhinho que tinham vindo noutro transporte com algumas bikes.

O Fonseca, como já vendo sendo tradição, recebeu um prémio pelo participante menos jovem.

Foi uma maratona com uma organização muito boa. Os abastecimentos estavam bons, muitos pontos com abastecimento de água, percurso muito bem sinalizado (as placas tinham um nº que sinalizava a zona onde se estava, para auxiliar em caso de a organização tivesse de ir ter com alguém). O percurso, apesar do grau de dificuldade e de algumas zonas não cicláveis, foi muito bom. O ponto alto foram as paisagens.

Foram 56Km com cerca de 1100m de acumulado desde Idanha-a-Nova até Zarza.

Participantes: Paulo Alex San, Rui San, Rikybike San, Ni San, Mário San, Ze San, To Ze San, Mimosa San, Luis Ferreira San, Paulo Felix, Nelly San, Paulo Alhinho San, Fonseca, Martinho, Sérgio San, Arsénio San, António Rui, Fernando.

A RTP efectuou cobertura parcial da maratona e a RTP2 emitiu a reportagem. Aqui está ela, onde também aparece um Papa Trilho. Adivinhem quem...

6 comentários:

  1. Mais uma aventura. Pareceu muito bom. Parabéns pela participação

    ResponderEliminar
  2. Efectivamente foi um fim de semana espectacular.
    Foram 3 dias de muita animação e boa disposição.
    Maratona dura, com um percurso com uma paisagem muito bonita, em que os Papa Trilhos sempre se mostraram bem dispostos, camaradagem em alta sempre a jdar mutuamente.
    Não quero deixar de agradecer aos que me apoiaram (o grupo todo) no momento menos bom, mas não queria de deixar de agradecer ao Ricardo, que bem tentou com que eu chegasse a Zarza em cima da bike, bem como às meninas que foram logo a ter comigo assim que me viram para dar a maior força, a Anita, a Ana (desculpa uma vez mais), Gina.
    Foi muito bom estar na vossa companhia, aliás como é sempre.
    Desejo as melhoras ao nosso companheiro Fernando, que teve uma queda que o impossibilitou de chegar a Zarza.
    Abraços e beijinhos e até domingo para o Alvalade - Porto Côvo.

    ResponderEliminar
  3. Boas
    Fiquei surprendido este fim-de- semana só merecer dois comentários, parece que os papatrilhos estão zangados com esta maratona, foi espectacular das melhores em que tive prazer de participar tanto de bela quanto dura onde reinou a boa disposição papatrilhos.
    Espero voltar para o ano

    Sérgio San

    ResponderEliminar
  4. Simplesmente um fim de semana fantástico, com a adrenalina em alta, com a familia Papa Trilho em alta, tudo a 100%.
    Tenho orgulho nesta familia que se criou.
    Obrigada pessoal pela excelente fim de semana que se passou.

    E o almocito de Domingo:)


    Marlene San

    ResponderEliminar
  5. Pois é... com tantas participações Papa Trilhos nesta maratona e este é somente o 5º comentário! Talvez a reportagem deixe muito a desejar...

    ResponderEliminar
  6. Chegou a minha vez de comentar e nunca é tarde para o fazer...
    Foi sem margem para dúvidas um fim de semana fantástico no seio da família Papa Trilhos, maratona muito boa com paisagens maravilhosas e dura até a descer e uma claque de fazer inveja a muitos Bttistas. Fim de semana que terminou com um almoço fabuloso na pacata Aldeia de Monsanto com uma paisagem *****.Para todos(as)BIKE abraços e beijinhos.

    ResponderEliminar