GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações.
- Gala Papa Trilhos 2017, 01 Dezembro - inscrições.


sábado, 15 de dezembro de 2012

Volta do Sado - 2012-12-09 - 76Km

Reportagem por Paulo Alex San

Já em pleno Dezembro e com o tempo a condizer, eu estava de regresso às voltinhas dos Papa Trilhos após mais de 1 mês de ausência. Apesar de estar nublado, o frio não era tão grande como o prometido... e tínhamos negociado tréguas com a chuva. Assim sendo, estava tudo preparado para o inicio da voltinha domingueira. Pouco depois das 08.30h (da manhã), saímos do Parque das Lagoas para ir ter com o resto do pessoal que nos aguardava na Qta do Conde.

Grupo reunido, o Rikybike assumiu a liderança da volta, sem sabermos muito bem o que nos aguardava (pelo menos eu!). Fizemos um pouco por alcatrão, e depois uns trilhos em direcção a Palmela. Pelo caminho, direccionámos as pedaladas para a Venda do Alcaide, onde passámos a linha do comboio.

O ritmo, embora não fosse elevado, e o percurso ser essencialmente rolante, a verdade é que não era compatível com o meu estado físico  ou seja, era inversamente proporcional a este. As paragens foram muito poucas e só bem depois de metade do percurso é que me apercebi que a voltinha eleita era a do Sado, embora em versão reduzida. Ou seja, empeno garantido.

Depois de fazermos a recta de Setúbal, vindo do estuário do Sado, fizemos uma breve paragem na estação de serviço de Setúbal. A partir daí era direitinhos a casa. Mas até lá ainda tínhamos de dobrar a Cobra. Essa maldita deu-me bastante luta... não me lembro de ter sido tão difícil de a domar, mas lá cheguei ao cimo, já com o pessoal todo à minha espera e com o relógio a entrar na hora de almoço (sorry!).

No jardim de Palmela tirámos a foto de grupo e seguimos por alcatrão em direcção à Qta do Conde (com alguns pequenos desvios pelo caminho para encurtar caminho). Finalmente chegámos a Fernão Ferro... após uns 76Km e uns míseros 617m de acumulado de subidas.

Entretanto, para que o empeno não se repita, esta semana já coloquei a bike na oficina para ver o que se passava, pois fez-me cansar muito as pernas.... :)

Sem comentários:

Enviar um comentário