ECOPISTA do DÃO - EVENTO CANCELADO.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- renovação do seguro da FPCUB 2017 - consulta.
- Ecopista do Dão, 16 e 17 Setembro - informações. CANCELADO


terça-feira, 29 de março de 2011

2011-03-26 Quais D. Sebastião? São os Papa Trilhos 26km

Manhã com cara feia e a ameaçar chuva e, perto da hora marcada para começarmos a nossa aventura começavam-se a concentrar os 10 elementos que se propunham subir até à Torre à porta da residencial, já com a chegada do Nelson que tinha feito a viagem de madrugada.Formalidades tratadas como reunião do grupo de pedalantes e a tradicional foto de grupo (aqui ainda se disse "uma à partida e outra à chegada" - nem imaginávamos o que iríamos encontrar à chegada) lá fomos nós até ao ponto de partida, mesmo junto à placa que dizia Covilhã, junto à saída da A23, mas para lá chegarmos ainda pedalámos cerca de 4,5km a descer.Assim que começámos a pedalar começaram a sentir-se os primeiros pingos de chuva e neste trajecto até ao ponto de partida a maioria do pessoal começava a fazer paragens para vestir o impermeável, peça de vestuário que mais ninguém largou em toda a subida.Umas voltinhas à rotunda para um pequeno aquecimento e chegava a hora da subida e, assim foi.Voltámos a subir o que havíamos descido e continuámos a nossa progressão, espalhando as cores dos Papa Trilhos pela cidade dando um colorido aos arruamentos e, até aqui as inclinações ainda não eram nada de complicado.Saindo da Covilhã em direcção às Penhas da Saúde, começa-se a sentir o agravamento das condições climatéricas, em que a chuva aumentou de intensidade assim como o aparecimento de vento e nevoeiro, além da a percentagem de inclinação também passou a ser maior, a paisagem começava a tornar-se branca, mas ainda não da neve, mas sim do nevoeiro.Pedalada atrás de pedalada e lá íamos nós subindo, subindo, subindo, com curva e contra-curva, com mais uma inclinação mais acentuada outra menos em que cada um a seu ritmo ia vencendo estas dificuldades.Chegados à Centro de Limpeza, na nave de Stº António, um descida, isso mesmo, mas na minha opinião mais valia que não fosse, pois mesmo com velocidade reduzida devido à pouco visibilidade e à temperatura que ia descendo a cada metro que se subia, fez que com se gelasse por completo.Acabando esta descida na nave de Stº António haveria que tornar a subir e assim foi, aqui as inclinações já não eram tão acentuadas, mas faziam mossa e, pois aliadas ao vento que cada vez mais se fazia sentir de lado e de frente dificultava mais a "escalada", mais ainda quando se passou pelo túnel até à Santinha.Quando se pensava que daqui até ao desvio para a Torre seria num instante, e daqui até à Torre ainda mais seria rápido, engano, pois as condições climatéricas fizeram o favor de tornar mais difícil esse instante.Com todas estas condicionantes, dos 10 que começaram 9 chegaram à Torre (estão todos de parabéns, pois ultrapassaram várias dificuldades, mostrando muita força de vontade e garra em toda a subida, cada um no seu ritmo), tornando ainda maior a satisfação e o prazer de mais um objectivo alcançado.Nesta subida tivemos o Tony a estrear a sua mondraker.Subida com 26km e 1.591m de acumulado.Participantes:(10) Rikybike San, Joaquim Pena, Rui San, Ni San, Tony, Fernando Lapa San, Nelson San, Mário San, Nuno Lopes San e Marco San.

6 comentários:

  1. Subidinha um pouco dificil de fazer com estas condições,para quem dizia não haver neve nesta altura do ano,apanhámos mesmo um dia de inverno,chuva,nevoeiro e baixa temperatura pois chegamos com um grau positivo á torre.
    Uma palavra de apreço ás crianças,não deu para brincar na neve fica para a proxima,mesmo assim passaram o fim de semana bem dispostos,um beijinho para eles todos pois portaram-se lindamente...

    ResponderEliminar
  2. Apesar de não estar mencionado na reportagem quero dar uma palavra de apreço aos familiares que nos acompanharam pois não seria possível a subida sem eles, quer pela forma que nos apoiaram desde o primeiro dia em que decidimos ir efectuar a subida até à Torre, assim como toda a forla que nos deram ao longo da mesma para depois nos trazerem de regresso para baixo. Um bem haja a todos eles e especial para os mais pequenos que não tiveram as desejadas brincadeiras na neve por causa do tempo.
    Muito obrigado a todos pela disposição, animação e convívio ao longo destes 3 dias na Serra.
    Beijos e Abraços

    ResponderEliminar
  3. Apesar da meteorologia não nos ter permitido apreciar as belíssimas paisagens da Serra da Estrela e zonas envolventes, durante a subida das sua encosta, pelo menos não nos faltou hidratação (pelo menos externa),e também aquele vento lateral e frontal com chuva e frio (QB),só ajudou a tornar mais Épica a conclusão da subida ao ponto mais alto deste Portugal Continental. Claro que só podia acabar bem mais esta conquista da Familia Papa Trilhos.

    ResponderEliminar
  4. E depois de ultrapassado este "piqueno" desafio, com o excelente apoio das famílias e acompanhantes; estávamos destinados a passar uns óptimos momentos de convívio ,aprimorado com algumas peripécias mecânicas, electrónicas , gastronómicas e de "arquitectura Vitral", que só vieram engrandecer a união desta "Familia".
    Parabéns aos Papa Trilhos presentes e a todos os outros que não puderam estar por lá.

    ResponderEliminar
  5. Á metade da "família" Papa Trilhos que tão bem representou a outra metade, quero felicitar-vos mais uma vez por este feito.
    Outrora os nossos navegadores "lutavam" contra ventos e marés,em pleno século XXI os nossos conquistadores Papa Trilhos "lutaram" contra uma intempérie que só de ver as fotos "gelei".
    É por estas e por outras que vocês são o nosso ORGULHO.
    Não posso deixar de salientar que mesmo quem não foi, não deixo de estar convosco.
    A todos vos que estiveram nesta odisseia PARABÉNS...

    ResponderEliminar
  6. Olá,
    Aí está mais uma belíssima representação Papa Trilhos. Fico contente pela prestação dos caríssimos e honrados trepadores, apesar das condições climatéricas não ajudarem.
    Os meus parabéns!
    Saudações.

    ResponderEliminar