GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações.
- Gala Papa Trilhos 2017, 01 Dezembro - inscrições.


sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Passeio da mobilidade - 2009-09-20 - 72Km

A Fidalbike, em conjunto com algumas autarquias da zona (Barreiro, Moita, Alcochete, Montijo), levou à estrada um passeio de cicloturismo sob o titulo "Passeio da Mobilidade". Os Papa Trilhos aderiram a este convite, até porque as inscrições eram gratuitas e ainda havia oferta de almoço no final. Assim, a maioria resolveu ir a pedalar desde casa, já que o inicio do passeio era em frente à Mata da Machada.

O inicio do passeio estava marcado para as 09.00h, mas teve algum atraso. A concentração de bikes era considerável e, para um passeio de cicloturismo, ou seja, exclusivo por estrada, eram quase mais as bikes de BTT do que de estrada.

Saímos da Mata da Machada e começámos logo com uma ligeira subida para Sto António. Seguimos para Moita, para depois irmos a Alcochete, passando pelo Montijo, onde tivemos um pequeno abastecimento.

O abastecimento deixou um pouco a desejar para a distância do passeio, já que só tínhamos disponíveis fruta (maçãs) e água.

Aproveitámos o local, também para tirar a foto de grupo.

Após esta pequena paragem, iniciámos o trajecto de regresso. Os primeiros quilómetros foram a um ritmo moderado, mas depois disseram-nos para abrandar para que o pelotão não se estende-se tanto. Fomos pedalando a um ritmo entre 15 a 20Km/h. A cerca de 20Km do final do passeio, inexplicávelmente, o ritmo disparou com troços bem acima dos 30Km/h. O pelotão partiu-se e o passeio deixou de ser o que era.

A chegada foi à entrada da Mata da Machada, onde os atletas iam chegando a conta-gotas. O carro-vassoura, que deveria ser o último a chegar, ainda chegou antes de muitos atletas, incluindo alguns Papa Trilhos. Para quem quisesse, ainda havia um almoço dentro da mata, que, segundo declarações do Mimosa San, estava bem e bem recheado.

O resto de pessoal regressou a casa, também a pedalar, totalizando uns simpáticos 94Km.

De referir ainda que o passeio publicitava 65Km, que acabaram por ser 72Km. Esta é uma prática habitual de algumas organizações que não indicam o nº de Kms correctos, acabando por se fazer mais Kms. Temos um acréscimo de quase 11% dos Kms previstos o que sai fora do que pode ser considerado razoável.


Os Papa Trilhos que foram a pedalar desde FF, fizeram 94Km com 703m de acumulado de subidas. Estatísticas do passeio.



View Larger Map

1 comentário:

  1. Passeio com uma desorganização tremenda, com uma falta de respeito para quem não tem tanto andamento. Visto tratar-se de um "passeio", deveriam ter em conta o número de km´s e a velocidade média do mesmo. Por várias vezes vinha atrás acompanhando os últimos elementos e estes já se encontravam bem longe do carro vassoura, não sabendo o caminho, nem tendo a devida protecão policial nos cruzamentos ou pontos de passagem mais complicados. Na minha opinião, foi desastroso.

    De qualquer forma foi bom para rever a familia...

    ResponderEliminar