GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- renovação do seguro da FPCUB 2017 - consulta.
- Ecopista do Dão, 16 e 17 Setembro - informações. CANCELADO


quinta-feira, 9 de abril de 2009

Passeio do ISCPSI - 2009-04-05 - 42Km

Um ano depois voltámos a este passeio, cuja atracção principal é a passagem do Aqueduto das Águas Livres de bicicleta.

Às 08.00h já estávamos todos no Parque das Lagoas. Saímos sem atraso rumo a Lisboa. Estacionámos os carros em Alcântara e fomos ao secretariado levantar os dorsais. A agitação era geral no pequeno pátio do ISCPSI. Às 09.30h começou um pequeno briefing sobre o passeio, seguido de uma entrega de prémios. Prémio para o 1º inscrito, 1ª equipa inscrita - aqui a equipa premiada foi a do Centro Cultural e Desportiva dos Trabalhadores do Metropolitano de Lisboa, prémio para o elemento mais novo e para o elemento mais idoso - mais uma vez o Sr. Fonseca não foi de mão a abanar e levou mais uma bela lembrança destas andanças no BTT.

Começámos a pedalar cerca das 09.40h e com uma subidinha que não se via o fim. Subimos pela Rua Luis de Camões, Calçada da Tapada e entrámos nos trilhos de Monsanto junto às universidades.

O grupo aqui dispersou bastante, sendo notório os vários tipos de andamento.

Em Monsanto fizemos diversos trilhos num sobe e desce constante. Passámos nos Montes Claros, hospital S. Francisco Xavier, Oliveiras de Baixo, Caminho das Pedreiras, entre outros locais.

Durante o percurso era necessário efectuar algumas paragens, pois as entradas nos single tracks estavam sempre congestionadas.

O abastecimento foi antes da entrada no Aqueduto. A cada participante foi distribuído um saco bem recheado (sandes, sumo, água, barra, iogurte liquido) e havia laranjas cortadas à descrição.

Iniciámos depois a passagem pelo Aqueduto. Este foi o ponto alto do passeio, com uma paisagem privilegiada sobre a cidade de Lisboa e o Rio Tejo. Aqui quase todos pedalaram mais devagar para poder desfrutar das vistas. Até se parava para tirar algumas fotos.

O Aqueduto foi construído durante o reinado de D. João V (1689-1750) entrando em funcionamento em 1748. A sua construção deveu-se à necessidade de abastecimento de água à cidade de Lisboa. A água do Tejo não era potável, pelo que foi necessário encontrar alternativas. A ribeira do Carenque em Belas foi o curso de água escolhido. O Aqueduto foi sendo aumentado, atingindo a extensão de 58Km com a captação de água em 58 nascentes. Inicialmente estava aberto ao publico, mas em 1853 foi encerrado devido aos crimes praticados por Diogo Alves (também conhecido pelo Pancadas) que roubava as vitimas e depois atirava-as do Aqueduto, simulando um suicídio.


Depois do Aqueduto, fomos em direcção ao Parque Eduardo VII que foi completamente invadido pelos BTTistas. Os Turistas que vagueavam na sua manhã de domingo, olhavam-nos, surpreendidos - "poi tiu soiya pakti vrumm?" (tradução: "de onde saiu tanta gente?")

Descemos depois a Av. da Liberdade e ainda antes de irmos para Alcântara, subimos até ao Largo da Graça para fazermos mais uns metros de acumulado.

Chegámos ao ISCPSI perto das 13.30h com 42Km's feitos. Foi um passeio muito agradável e bem organizado. Por todo o percurso haviam muitos elementos de apoio a auxiliar os participantes e na estrada estivemos sempre acompanhados por batedores da policia. O Fernando San que furou em Monsanto, enquanto estávamos a reparar o furo, veio logo uma ambulância verificar se estava tudo bem a pensar que alguém havia caído.

Na chegada ainda tivemos direito a um pequeno lanche com umas tortinhas, pasteis de nata e uma embalagem com uma sandwiche.

Em comparação com o ano anterior, a organização esteve melhor, evitou partes do percurso menos boas para as bicicletas. O apoio durante o passeio foi maior, assim como o grau de dificuldade do passeio. O saldo final foi bastante positivo! A repetir!

Foram 42Km com 858m de acumulado de subidas. Ver estatísticas.


View Larger Map

Participantes (9): Paulo Alex San, Rui San, To Ze San, Fernando San, Paulo Alhinho San, Nelly San, Fonseca, Vitor Ribeiro, António Rui.



Bibliografia:
- Wikipédia

1 comentário:

  1. Deu para ver que a boa disposição dos Papa trilhos .Bonito passeio

    ResponderEliminar