. TRAVESSIA FATIMA/PORTO - 31 MAIO a 03 JUNHO - inscrições encerradas. Autocarro ALVALADE/PORTO COVO - 20 MAIO - ESGOTADO. Plano de Actividades para 2018. Ver calendário.

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.00h (horário de verão). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Seguro FPCUB 2018 - informações.
- Raid Alvalade/Porto Covo - inscrições.
- Travessia Fátima/Porto - inscrições.


domingo, 4 de setembro de 2011

Sado by night no barulho das luzes - 2011-09-03 - 84Km

Reportagem por Paulo Alex San

O Sado... desde há algum tempo que algumas pessoas do grupo queriam fazer esta voltinha, mas de maneira diferente... não ao contrário, não a pé, não a chover.... mas à noite! E o Ponto de Encontro, como amigo que é, lá agendou a voltinha para este sábado. A semana foi de chuva, o que levantou algumas preocupações. Mas os metrologistas de profissão anteviam melhorias a partir do fim de semana. Verdade seja dita, que chuva, nem vê-la... pelo menos pelos lados da margem sul.

Com saída agendada para as 19.00h do Parque das Lagoas e 20min depois da Qta do Conde, começámos a pedalar com um ligeiro atraso. Como o Riky veio-nos visitar até a ponto de encontro principal, a passagem pela Qta do Conde foi sem paragens.

Ainda em fase de aquecimento, a velocidez imposta pelo grupo estava bastante agradável e antevia um bom ritmo para os estimados 80Km nocturnos. Ainda com a luz do dia, fizemos toda a recta da Makro e passámos o Palmela Village. A noite começou a visitar-nos junta à passagem da estação ferroviária da Venda do Alcaide. A partir daqui já tivemos que nos auxiliar dos acumuladores de electrões portáteis que os convertiam para fotões, dando origem a uns belos lumens. Se a EDP nos visse, ainda nos acusavam de concorrência desleal.

Fizemos uma breve paragem para repor algumas calorias com barrinhas e outros derivados (houve quem levasse uma sandes), enquanto outros aproveitavam para compromissos fisiológicos inadiáveis.

A noite continuou... passámos pelo Vale de Ana Gomes e a chegada junto ao Sado foi pelo Parque Industrial de Setúbal, junto ao Bairro da Sapec. Fizemos toda aquela recta, com o barulho das luzes a interromper a belíssima paisagem nocturna com o Sado a reflectir a luz da lua.

Pouco depois já estávamos junto aos viveiros. Fizemos uns quantos trilhos que a chuva durante a semana permitiu assentar a areia dos estradões. Continuámos junto ao caminho de ferro para voltarmos ao alcatrão em direcção a Setúbal. Com a noite bastante agradável, sem calor e as pernas motivadas a puxar as bikes, impôs-se um ritmo mais acelerado até ao abastecimento liquido nas bombas à entrada de Setúbal. Abastecimento rápido ainda com tempo para confraternização com alguns familiares do Mário, o irmão, que veio confirmar se o choco frito de Setúbal ainda era o que era... ai que saudades gastronómicas!

Mais de metade do percurso já estava efectuada. A paragem seguinte foi para a foto de grupo na Praça do Bocage. Estranhámos o deserto da cidade, poucas pessoas na rua para uma noite de sábado agradável... das duas, uma... ou a troika decretou recolher obrigatório aos Setubalenses, ou então as festas de Palmela apelaram à boémia das pessoas.

Atravessámos Setúbal, Baixa de Palmela e a estreia da versão nocturna da Cobra para alguns. Se não a conhecêssemos, nem se dava pela subida, pois a noite consegue camuflar estes declives. Mas a verdade é que a paisagem à volta não enganava, pois a cota mais elevada permitia vistas sobre as localidades vizinhas diferentes do que estamos habituados a desfrutar nas nossas voltinhas diurnas.

Chegados ao miradouro, descemos até à rotunda de Palmela, onde o movimento era maior que a hora de ponta da Ponte 25 de Abril. Decididamente a festas de Palmela aparentavam estar no seu melhor. Mas não houve tempos para visitas festivas, o Caldo Verde podia arrefecer e contactos recentes com o staff de serviço informavam que os preparativos estavam a bom ritmo... tal como as nossas pedaladas.

De regresso, retomámos o percurso que já havíamos efectuado na ida, novamente com a visita aos vigilantes do Palmela Village e mais à frente a recta da Makro. A meio uma paragem técnica para remediar um furo do CaJo San, com algumas bombadas. Talvez aguentasse até ao final.

Na passagem pela Qta do Conde surgiram as despedidas ao Riky que ainda ia distribuir o jornal. A brisa misturava o aroma a Caldo Verde (ou então era mesmo a fome que o estômago já acusava) e chegámos à Qta dos FF's com recepção na casa do Paulo Alex (que por acaso é o Je), com a mesa já posta. O panelão de Caldo Verde antevia uma semana forçada de Caldo Verde, por isso apelou-se a todos repetições várias em consideração à minha pessoa. Para acompanhamento, uns chouricinhos assados, minis e outras bebidas, ou seja , água, uns quantos pães alentejanos e muito apetite a boa disposição. Ahhh... as sobremesas... divinais!

Balanço técnico: 84Km, 639m de acumulado, 5.37h totais com menos de 1h de paragens. A média de movimento rondou os 18Km/h, que para um passeio nocturno foi bastante bom.

Agradecimentos: às meninas do staff (Marlene e Isabel Penteado) que preparam o abastecimento final e a todos os participantes que brindaram uma noite agradável de BTT. Nota também para mais uma visita aos passeios Papa Trilhos do "outsider" Zé Manel (Há também quem o chame de gajo de Lisboa :) ).

Nota final: O frigorifico está cheio de Caldo Verde... "Ai a minha Vida!!!" (versão Xutos).

6 comentários:

  1. Mais um noturno bem a maneira...

    Na podia ter corrido melhor este meu regresso as pedaladas depois de 32dias sem andar...lol.

    Quero dar os parabens a todos pelo brilhante desenpenho, quanto as meninas que fizeram esta voltinha ....BRAVO.... nota-se a diferença de quem treina.

    A ceia estava maravilhosa e o Staf ao seu melhor como sempre.

    um abraço

    Jorge Nunes

    PS: quanto ao caldo verde que sobro, podemos sempre acabar com ele na próxima quarta a noite....

    ResponderEliminar
  2. Mais uma volta que alguns elementos dos papa trilhos desejavam fazer á noite só fui possivel ontem, e com um bom numero de participantes.
    A noite estava muita boa para a pratica de btt
    o pessoal estava com bom andamento não sei se estavam com fome,pois só falavam da sopinha,que se diga estava maravilhosa.
    Mais uma vez o staff presenciou-nos com uma ceia e umas mariquices muito boas.

    Um Abraço

    ResponderEliminar
  3. Andei muito distraído esta semana! Apesar de não gostar andar de Bicla à noite, se soubesse que o "prémio" era todo aquele manjar, tinha-me sacrificado certamente.
    Parabéns aos Papatrilhos participantes, ou deverei dizer "Morcegos" participantes ???

    ResponderEliminar
  4. Olá a todos os que fizeram este delicioso By Night Não sendo muito apreciador de pedalar pela noite , desta vês aceitei o desafio e lá fui eu embalado por aquela multidão de laranjinhas azuladas . Não estou arrependido pois foi um night rider five starts , para no final ser ainda melhor com uma degustação perfeita ( Paulo tens de fazer um sacrifício ) o caldo verde estava delicioso e o arroz idem . Obrigado as meninas que tiveram o prazer de cozinhar para nós .
    Kimbikes

    ResponderEliminar
  5. Voltinha expectacular companhia altamente mas o final estava simplesmente divinal, um obrigado especial para a MARLENE e a ISABEL que nos presentearam com tão famosas iguarias...Beijos e abraços.
    PS - Voltinha a repetir...

    ResponderEliminar
  6. Excelente final de sábado.
    Volta do Sado nocturna espectacular e em excelente companhia e o que dizer do abastecimento final? Simplesmente delicioso.
    Obrigado Marlene e Isabel por nos terem presenteado com excelente caldo verde.
    Beijos e abraços

    ResponderEliminar