GALA PAPA TRILHOS 2017 - 10º ANIVERSÁRIO - 01 de Dezembro. .

Papa Trilhos® - Fernão Ferro/Seixal

Os Papa Trilhos surgiram a partir de um grupo de amigos que têm em comum o gosto pelo BTT e cujo o lema é "Pedalar com a Natureza".

Aos domingos de manhã alguns elementos da equipa e outros amigos juntam-se para ir pedalar. Por isso se também quiseres ir pedalar, aparece no Parque das Lagoas de Fernão Ferro/Seixal (largo das festas populares - GPS 38,557800º -9,091630º), aos domingos, 08.30h (horário de inverno). Vê a mensagem de
"Ponto de Encontro" publicada todas as semanas onde são agendadas as voltinhas e passeios dessa semana. Uso obrigatório de capacete.
Contactos: papatrilhosbtt@papatrilhos.com

Nota: os participantes em voltinhas ou eventos Papa Trilhos aceitam a cedência dos direitos de imagem nas fotos tiradas para publicação no site.

Calendário Papa Trilhos

Iniciativas Papa Trilhos

- eventos e passeios - consultar calendário.
- Tróia/Sagres, 16 Dezembro - informações.
- Gala Papa Trilhos 2017, 01 Dezembro - inscrições.


quinta-feira, 10 de março de 2011

Aqui, ali e acolá - 2011-03-05 - 34Km

Reportagem de CaJo San

Juntámo-nos no Parque das Lagoas, por volta das 08h45. Eles eram: o Rui, o Paulo Alex, a Marlene, o Leandro, o Tózé, o Ni, a Rute, a Helena e o Cájó. Entrámos na Rua da Juventude e seguimos ao longo dela. Apareceu então o Bolinhas (é o cão, pertença do Tózé) que teve de ser levado para casa. Queria ir connosco, mas…

Seguimos pela Quinta das Laranjeiras com direcção à nacional 378. Aqui tivemos a primeira paragem, o amigo Ni lembrou-se de furar atrás. Foi logo motivo para combinarmos onde seria o local certo para as empadas. Eh, eh, eh. Passámos junto às obras da nova radial para a Costa da Caparica e seguimos paralelamente à auto-estrada A2.

Paragem obrigatória na pastelaria Paraíso para nos deliciarmo-nos com umas empadas, que melhores só as de Campo Maior. Encontrei um antigo camarada de armas, o Raul Plácido. Como também tenho o sobrenome Plácido, a partir daí começaram a chamar-me Jacó Plácido (obrigado Dª Sofia).

Direcção Verdizela e Aroeira, com passagem pelo colégio Guadalupe. Chamámos pela Bela, não fosse ela estar por lá, para nos ver passar. Andámos entretanto a treinar às escondidas para Santiago, e achámos por bem testarmos um novo exercício, puxarmos pelas camisolas uns dos outros, tipo carreirinha. Junto foto a condizer. Ganda espectáculo. Já tínhamos experimentado com a Marlene, mas agora foi com a Helena.

Descemos para a Fonte da Telha, íamos ver o mar de mais perto. Era vontade da Rute, coitadinha, fizemos-lhe a vontade. Contemplámos o mar flat, tipo visita de médico, e voltámos a subir por onde tínhamos descido. O sôr Rui foi dar uma ajudinha à Rute e chegou cá acima sem fôlego. Parece o café do ……., fraquinho, fraquinho. Mas também o Leandro já tinha feito o seguinte comentário: Oh Cájó, tu és bom a jogar o GT5, mas a andar de bicicleta nem por isso. Pensei, este rapaz é muito observador.

Virámos à direita para a estação Ibero Nato para entrarmos na Apostiça. Procurávamos pelo Paulo Alex e pelo Leandro que tinham vindo para a frente, pois não tinham descido a ver o mar e viriam andando e esperando. Mas não foi isso quer aconteceu, mais pareciam dois fugitivos, pois só os voltámos a ver no heliporto.

Duas pequenas quedas dos senhores Rui e Paulo Alex, logo a seguir ao sobe e desce, depois de termos passado o arame da entrada da Apostiça. Não dispomos de fotos do momento, pois o fotógrafo não se encontrava no local. Eu também tive um pequeno arrufe com o chão, uma quase queda, junto ao heliporto, mas aguentei-me, ufa.

Atravessámos a estrada da Lagoa de Albufeira e fomos em direcção aos furos de captação de água de Sesimbra e subimos à esquerda na estrada velha de Sesimbra. Aqui o sobrinho atraiçoou o tio e o Leandro juntou o guiador da sua bicla com a do Paulo Alex, e lá foi o tio pró chão. O Leandro era o mais forte. Temos pena mas também não dispomos de foto a condizer. O fotógrafo não se encontrava no local.

Desembocámos no Casal do Sapo, junto à rotunda do restaurante O Virgílio. Entrámos então na Rua dos Pioneiros. Despedidas e cerca de 38 km feitos. Impecável. Quero agradecer a todos o esforço despendido, e já agora afirmar que a partir de agora já posso acompanhar a minha jeitosa, é que ela já passa por mim…. Vai lá, vai. É só poeira.

Foram 34Km de pedaladas e 191m de acumulado de subidas.

1 comentário:

  1. Cajó não sei bem mas acho que o Leandro tem razão,pois o miudo tinha que esperar por ti.

    ResponderEliminar